(47) 3321-2900

Cibercrimes geram US$ 10,3 bilhões de prejuízo ao Brasil em 2016

Pesquisa revela que consumidores ainda insistem em clicar em links suspeitos.

Um estudo recente divulgado pela Symantec revela que o cibercrime ainda é um problema bastante grave no Brasil e que precisa ser combatido, principalmente se o país não quiser ter tantas vítimas como em 2016. Segundo os especialistas das empresas, 42,4 milhões de pessoas sofreram com golpes aplicados pela internet no Brasil.

Essa grande quantidade de vítimas acabou gerando um prejuízo de US$ 10,3 bilhões (cerca de R$ 35,1 bilhões na cotação atual) somente neste ano. Os números foram revelados no relatório anual Norton Cyber Security Insights.

Para piorar, a pesquisa ainda revela que um em cada cinco usuários de smartphones, tablets, notebooks ou outros dispositivos conectados à internet não fazem o uso de qualquer programa de proteção; cerca de 60% dos usuários confiam que seus dispositivos já contem com proteções de fábrica suficientemente fortes para impedir ataques.

Por fim, a análise revela que os consumidores ainda insistem em clicar em links suspeitos que são enviados por pessoas desconhecidas nas redes sociais e aplicativos de mensagens. Essa é uma prática comum para fazer o usuário baixar arquivos maliciosos no aparelho, roubar dados pessoais armazenados na memória ou se cadastrar em serviços pagos.

 

Fonte : IPNews

 

Sua vez de falar

Deixe seu comentário:

Seu email não será publicado.