(47) 3321-2900

Chatbot e automação de processos, o futuro da Era Digital?

Será que chatbot e automação de processos são o futuro da Era Digital? Os robôs estão por toda a parte, transformando negócios e criando uma nova cultura de interação entre usuários e marcas.

 

 

Assistentes virtuais como a Siri (da Apple) e o assistente do Google são alguns exemplos mais populares nos smartphones. Empresas buscam ferramentas que tragam resultados rápidos, entrando então na automação de processos. Assim, ferramentas ágeis são necessárias na autonomia e organização de processos, o que inclusive, o chatbot pode trazer.

 

Aplicativos de troca de mensagens, como o Facebook Messenger, abrigam milhares de chatbots, que são robôs que interagem por meio de conversas. Eles possibilitam realizar compras, obter mais informações sobre um produto ou serviço e até pedir uma pizza.

 

O que é Chatbot?

Para quem não está familiarizado com o termo, chatbot é o resultado da junção das palavras chatter (a pessoa que conversa) e bot (abreviatura de robot, robô em inglês). De maneira sintética, podemos descrever chatbot como software de respostas automáticas. Ele pode ser programado para realizar tarefas predefinidas, criar conversas (chats), pronto para interagir com pessoas reais.

 

A tecnologia foi criada em 1994 e evoluiu para atingir a atual eficiência. Mas no mercado ainda existem muitos chatbots “burros”, tentando realizar interações, apoiados somente em condições lógicas (0 e 1 ou sim e não), e isso tem inibido a sua adoção. Esse quadro, no entanto, está mudando, instigado pela experiência de uso, velocidade e facilidade de interação dos novos chatbots.

 

Suas versões mais atuais utilizam inteligência artificial (IA), machine learning(aprendizado de máquina) e deep learning (aprendizado profundo). Assim, quanto mais esse robô interage, mais aprende e amplia o seu conhecimento para futuras interações. Evoluem e se tornam capazes de identificar gírias, sotaques, entre outras e novas informações.

 

Chatbot na transformação de negócios?

uso de chatbot pode transformar completamente o negócio e a forma como a empresa interage com seus clientes, desenha suas estratégias de vendas e realiza suas negociações. O processo da sua implantação é rápido, utilizando sua própria base de conhecimento com interações diretas, via Application Programming Interface (API) – ou Interface de Programação de Aplicativos, na livre tradução.

 

Ele é muito utilizado também interagindo como Frequently Asked Questions (FAQ), ou Perguntas mais Frequentes, na livre tradução. Hoje, munido de inteligência artificial (IA), pode atuar como vendedor ou negociador mais experiente, oferecendo o produto certo, para a pessoa certa, no momento certo, em melhores condições.

 

Chatbot e automação de processos

chatbot e automação de processos tem grande aceitação na área de atendimento, em especial no primeiro nível de call center. O chatbot, em especial, consegue resolver até mais de 70% dos problemas de clientes. Porque se tratam de tarefas mais rotineiras, permitindo que as pessoas se dediquem a atividades que necessitem de uma atuação mais analítica ou complexas.

 

Independentemente do segmento, o que torna atraente o uso de chatbots é a otimização de processos e recursos. O que pode fazer um melhor uso da sua base de conhecimento para a tomada de decisão, com interação fluente, em tempo real e com uma melhor experiência de uso por parte do seu cliente.

 

É uma tendência, não há dúvidas. O Banco Original, nascido no berço digital, conta com um ajudante virtual. O Magazine Luíza, grande representante do mercado de varejo e e-commerce, tem a assistente virtual Magalu. Eles interagem com os clientes e resolvem parte significativa e importante das suas questões.

 

Mais um exemplo de adesão à tecnologia é o Banco do Brasil. A instituição financeira divulgou em janeiro deste ano, querer atingir mais consumidores com chatbot, por meio de um assistente virtual. A informação é da Coluna do Broad, do jornal O Estado de São Paulo.

 

De acordo com a publicação, o banco chegou ao final de 2017 atendendo a 70% dos assuntos tratados no canal. O foco para este ano é atingir 100%. A tecnologia está disponível apenas nas redes sociais do banco. É um movimento em ebulição. A hora é essa. Sua empresa precisa de bate-papo com robôs? Chatbot é a bola da vez.

 

Para obter sucesso na implantação de chatbots, é preciso ter um bom parceiro de tecnologia para auxiliar na identificação e na adoção de novas tecnologias e se beneficiar no melhor uso delas. É importante alinhar a solução à estratégia do negócio para oferecer a melhor experiência para o cliente. Por meio dessas interações, é possível gerar informações que agreguem valor.

 

Otimização de processos na transformação digital

Em meio a essa movimentação de novas tecnologias para transformação digital, a Lecom está preparada para otimizar processos e ajudar você a acelerar essa corrida da transformação em seus negócios. Contamos com áreas estratégicas, apoiadas por especialistas de alto grau de conhecimento em tecnologias, capazes de auxiliar na arquitetura e na orquestração de recursos disruptivos com o legado do cliente. Gerando assim, valor para o negócio de empresas atuantes nos mais diferentes setores da economia.

 

Acreditamos que Chatbot e automação de processos podem fazer uma grande diferença dentro da empresa. Inclusive facilitando a liberação de processos, a gestão de pessoas e, consequentemente, trazer resultados positivos para empresas.

 

Fonte = Lecom

Sua vez de falar

Deixe seu comentário:

Seu email não será publicado.